Cadastro de NOME SOCIAL de beneficiários interessados

FioSaúde em respeito à diversidade de gênero. Confira trâmites nos pedidos
Como parte integrante do projeto de Reconhecimento à Diversidade de Gênero, a FioSaúde emitirá as carteiras do plano, a partir do 2º semestre de 2018, incluindo o nome social de solicitantes, além do nome civil da pessoa, que já consta como padrão no documento.
 

CLIQUE NO BOTÃO AO LADO PARA
SOLICITAR CADASTRO DO NOME SOCIAL

Nome Social é a forma pela qual pessoas transexuais e travestis preferem ser chamadas cotidianamente, em contraste com o nome oficialmente registrado (nome civil), que não reflete sua identidade de gênero. Ele assegura ao cidadão o atendimento acolhedor e livre de discriminação. 

Com isso, os beneficiários que desejarem terão seus nomes sociais incluídos na carteira da FioSaúde (e no cadastro como um todo). A medida independe de que haja ou não inclusão do nome social no documento de identificação (RG ou CPF). Para estes, na frente da carteira aparecerá a menção a «Nome social», seguida da forma como o beneficiário solicitou.
 
Obs.: Em solicitações de inclusão de nome social recebidas até o dia 10 de maio, será feita alteração na renovação de carteira (referente ao 2º semestre de 2018), seguindo  modelo aqui mostrado. Após esse prazo, também é possível fazer a solicitação sem problemas. Neste caso, será emitida nova via de carteira com a inclusão dos dados solicitados
 
No caso de carteiras da Cassi, o nome civil será SUBSTITUÍDO pelo Nome Social (não haverá dois campos de nome no documento, como é o caso da carteira da FioSaúde). Quem for do Rio e viajar para localidade de atendimento pela Cassi, só poderá ser ali atendido por seu Nome Social caso tenha incluído previamente em seu documento de identidade (e tenha apresentado o documento à FioSaúde). 
 
Enviado por comunicacao em ter, 17/04/2018 - 12:38.
Ver outras notícias sobre